XI Semana Internacional de Música de Câmara do Rio de Janeiro

Por Redação

No dia 10 de novembro começa a XI Semana Internacional de Música de Câmara do Rio de

Janeiro. Ao todo serão três concertos e onze músicos. O evento é promovido pela produtora Brasil

Classical e tem a direção artística de Simone Leitão, uma das mais renomadas pianistas da

atualidade. Durante 10 anos, a SIMC Rio vem oferecendo uma experiência única de aproximação

com o público através da intimidade. O festival já trouxe para o Brasil dezenas de intérpretes dos

mais variados instrumentos e vozes de mais de 30 países diferentes, além de revelar grandes

talentos brasileiros. Alguns dos destaques da edição deste ano são músicos da Orquestra

Sinfônica do Estado de São Paulo e da Orquestra Sinfônica Brasileira tocando juntos, o violinista

Daniel Guedes, a grande violinista austro-húngara Edua Zadory, a pianista espanhola Olga

Albasini e a própria Simone Leitão.

A XI edição da SIMC Rio trará para a zona sul do Rio o melhor da música clássica no formato

íntimo de duos, trios, quartetos e quintetos. As apresentações serão no ilustre Teatro Copacabana

Palace, nos dias 10 e 11 de novembro, sempre às 20h00. Essa será a estreia do festival no teatro,

onde nunca aconteceram concertos de música clássica. A noite de abertura, no dia 10, vai

comemorar os 150 anos de nascimento do compositor britânico Vaughan Williams, o preferido da

rainha Elizabeth II, com seu quinteto para piano e cordas, além do famoso quarteto com piano no

1, apelidado "cigano" de Johannes Brahms. A pianista brasileira, fundadora e diretora da SIMC Rio,

Simone Leitão, irá se unir à cellista Marialbi Trisolio, ao contrabaixista Marco Dellestre da OSESP e

às violas de Samuel Passos e Cindy Folly da OSB, juntamente com a violinista virtuose austro-

húngara Edua Zadory. Esse espetáculo encantou o público da Sala São Paulo em abril deste ano.

No dia 11, sexta-feira, também no Teatro Copacabana Palace, terá uma noite brasileira e

espanhola, com obras ainda não executadas no Rio de Janeiro. A pianista espanhola Olga Albasini

virá ao Brasil exclusivamente para o festival e se unirá ao grande violinista carioca Daniel Guedes

em obras de Manuel de Falla. Em seguida, no famoso quarteto com piano de Joaquin Turina, será

a vez dos jovens talentos do Estado do Rio: a violinista Helena Camargo, a violista Stefany Stelet e

o cellista Willian Bregunce. Ainda nessa noite o grupo de cordas se unirá a Marco Dellestre na

interpretação da obra do pernambucano Clóvis Pereira: três peças nordestinas.

O festival termina no dia 12 de novembro, sábado, na Sala de Câmara da Cidade das Artes, uma

das melhores acústicas para música de câmara do mundo e palco tradicional das edições

anteriores. Lá, será executado o quarteto de Brahms no 1 em sol menor, com Edua Zadory,

Marialbi, Simone Leitão, Marco Delestre e o quinteto de cordas op 77 em Sol maior, do compositor

tcheco Antonin Dvorak, com Daniel Guedes e cordas do festival.  

Os ingressos estão disponíveis na plataforma Sympla. Realizado pela Brasil Classical, Cidade das

Artes e Copacabana Palace, o festival conta com o patrocínio da Embaixada da Espanha no Brasil,

além de doações de amigos da Música de Câmara de São Paulo e do Rio de Janeiro. A SIMC

também promove concertos didáticos para escolas públicas, com transporte, lanche e um grande

espetáculo feito especialmente para que as próximas gerações de todas as realidades sociais

sejam transformadas pela música de concerto.

PROGRAMAÇÃO:

Datas: 10, 11 e 12 de novembro de 2022

Locais: 

– Teatro Copacabana Palace – 10 e 11 de novembro – 20h00 

– Sala de Câmara da Cidade das Artes – 12 de novembro – 19h00

Dia 10 de novembro – ABERTURA 

Teatro Copacabana Palace – 20h00

Músicos:

Edua Zadory – violino (Áustria)

Samuel Passos – viola (osb)

Marialbi Trisolio – cello (osesp)

Marco Delestre – contrabaixo (osesp)

Simone Leitão – piano 

Programa: 

Vaughan WILLIAMS (1872 – 1958) – 150 anos de nascimento 

Quinteto em Dó menor – 30 minutos 

1. Allegro con fuoco 

2. Andante 

3. Fantasai (quasi variazioni)

Músicos:

Edua Zadory – violino

Samuel Passos – viola

Marialbi Trisolio – cello 

Marco Delestre – contrabaixo 

Simone Leitão – piano

Programa:

Johannes BRAHMS (1833 – 1897) 

Quarteto com piano em sol menor op 25 

32 min

1. Allegro

2. Intermezzo. Allegro ma non troppo — Trio. Animato

3. Andante con moto

4. Rondo all Zingarese. Presto

Dia 11 de novembro

Teatro Copacabana Palace – 20h00

Noite espanhola e brasileira 

Jovens músicos brasileiros, Daniel Guedes e a pianista espanhola Olga Albasini, que irá

se apresentar pela primeira vez na América do Sul. 

Músicos:

Daniel Guedes – violino 

Helena Camargo – violino

Stefany Stelet – viola 

Willian Bregunce – cello

Marco Delestre – contrabaixo 

Programa:

Clovis PEREIRA (1932) – 3 peças nordestinas 

No reino da pedra verde

Aboio

Galope

Músicos:

Daniel Guedes – violino

Olga Albasini – piano

Programa:

Obras solo para piano – compositores espanhóis – 10 min.

Olga Albasini – piano 

Manuel de FALLA (1875 – 1945) 

7 canciones populares españolas 1. El paño moruno

2. Seguidilla murciana

3. Asturiana

4. Jota

5. Nana

6. Canción

7. Polo (12 min.)

La vida breve arr. violín y piano

Danza ritual del fuego arr. violín y piano – 7 min 

Músicos:

Daniel Guedes – violino

Stefany Stelet – viola 

Willian Bregunce – cello 

Olga Albasini – piano 

Programa:

Joaquin TURINA (1882 – 1949)

Quarteto com piano – 18 min

1. Lento – Andante mosso

2. Vivo

3. Andante – Allegretto

Dia 12 de novembro

Cidade das Artes – sala de câmara – 19h00

Músicos:

Daniel Guedes – violino 

Helena Camargo – violino

Stefany Stelet – viola 

Willian Bregunce – cello

Marco Delestre – contrabaixo 

Programa:

Antonin DVORAK (1841 – 1904)

Quinteto para cordas em sol maior op 77 – 30 min

1. Allegro con fuoco

2. Scherzo. Allegro vivace

3. Poco andante

4. Finale. Allegro assai

Músicos:

Edua Zadory – violino

Samuel Passos – viola

Marialbi Trisolio – cello 

Simone Leitão – piano

Programa:

Johannes BRAHMS (1833 – 1897) 

Quarteto com piano em sol menor op 25 

32 min

1. Allegro

2. Intermezzo. Allegro ma non troppo — Trio. Animato

3. Andante con moto

4. Rondo all Zingarese. Presto

Serviço:

8ª Semana Internacional de Música de Câmara do Rio de Janeiro

Clássico

Data: 10/11 (quinta-feira) e 11/11 (sexta-feira)

Horário: 20h00

Local: Teatro Copacabana Palace – Av. Senhora de Copacabana, 261 – Copacabana,

Rio de Janeiro

Classificação Etária: Livre

Preços:

Camarote: R$ 150,00 (inteira) e R$ 75,00 (meia)

Plateia: R$ 115,00 (inteira) e R$ 57,50 (meia)

Frisa: R$ 80,00 (inteira) e R$ 40,00 (meia)

Balcão: R$ 80,00 (inteira) e R$ 40,00 (meia)

______________

Data: 12/11 (sábado)

Horário: 19h00

Local: Teatro de Câmara – Cidade das Artes – Av. das Américas, 5300 – Barra da

Tijuca, Rio de Janeiro

Classificação Etária: Livre

Preços:

Plateia Baixa: R$ 40,00 (inteira) e R$ 20,00 (meia)

Plateia Alta (visão parcial) – R$ 40,00 (inteira) e R$ 20,00 (meia)

Plateia Alta – R$ 30,00 (inteira) e R$ 15,00 (meia)

Agradecemos pela sua visita, por ler essa matéria e principalmente pelo prestígio da vossa audiência!

Compartilhe com seus amigos e pessoas que conheça o nosso conteúdo jornalístico e de entretenimento, e que também continuem nos prestigiando e se possível, nos seguindo em nossas redes sociais através do:

Instagram: https://www.instagram.com/sambrasilturismoecultura/                        

YouTube: https://www.youtube.com/channel/UCRQn6jlELDq9C57WGQegATw                      

Facebook: https://www.facebook.com/SambrasilTurismoeCultura                    

Twitter: https://twitter.com/PortalSambrasil                    

Spotify: https://open.spotify.com/user/x8yhy7k5ox83rzi81pxo3nikp                     

SoundClound: https://soundcloud.com/sambrasilpodcasts                      

Torcemos para que tudo esteja bem com você e com toda a sua família. Cuide-se!

PARA EVITAR O CONTÁGIO PELO CORONAVÍRUS E DE SUAS VARIANTES, INCLUSIVE JÁ EXISTEM CHAMADAS DE ÔMICRON BQ1, BASTANTE CONTAGIOSA. ALÉM DAS TRADICIONAIS DOENÇAS/SINDROMES RESPIRATÓRIAS, ENTRE ELAS JÁ ESTÁ CIRCULANDO O VRS (VÍRUS SINCICIAL RESPIRATÓRIO). E AINDA, JÁ TEM CONFIRMADO NO BRASIL, OS CASOS DA “VARÍOLA DO MACACO”.

AS TRÊS REGRAS BÁSICAS QUE SALVAM E PRESERVAM VIDAS DEVEM SER SEGUIDAS E ADOTADAS: USO DE MÁSCARA, HIGIENIZAÇÃO E A NÃO AGLOMERAÇÃO / DISTANCIAMENTO SOCIAL.

AH! VACINE-SE! A VACINAÇÃO LHE AJUDARÁ MINIMIZANDO OS CASOS GRAVES.

A PANDEMIA AINDA NÃO ACABOU!

E SE NÃO HOUVER UMA COINCIENTIZAÇÃO RADICAL DA POPULAÇÃO PARA RETOMADA E ATENÇÃO PRIORITÁRIA PARA OS CUIDADOS COM A PRESERVAÇÃO DA VIDA, AÍ MESMO, É QUE REALMENTE NÃO TEREMOS, COM NÚMEROS VERDADEIROS, INFORMADOS PELOS ÓRGÃOS COMPETENTES E A GRANDE MÍDIA, UMA REDUÇÃO DRÁSTICA DE CONTAMINAÇÃO E MORTES POR COVID E SUAS VARIANTES.

Festival do Sorvete na Vila Butantan

Por Redação Foto: Shutterstock De 24 a 29 de janeiro, o espaço gastronômico Vila ...

Learn more

Related posts