Ponte de Versos de agosto comemora a trajetória de 22 anos da Ibis Libris Editora, que tem 600 títulos publicados e indicações ao Prêmio Jabuti

Por Redação

Fundada por Thereza Christina Rocque da Motta, a editora promove iniciativas que dão voz a autores novos e às mulheres, incentivando a produção literária e a cultura nacional.

Ponte de Versos de agosto comemora o aniversário de 22 anos da Ibis Libris Editora, fundada pela poeta, tradutora e editora Thereza Christina Rocque da Motta, no próximo dia 16, na Livraria Blooks Botafogo, ao lado de Tanussi Cardoso, poeta e contista premiado em vários países, Ramon Nunes Mello, poeta, jornalista e ativista de direitos humanos, e Carmen Moreno, poeta, contista e romancista carioca, irmã de Tanussi Cardoso, que fazem parte do Prato Principal.

Logo após, será aberta a Sobremesa, com a leitura de poemas de todos os presentes, encerrando com a Saideira, quando cada um lê mais um poema curto preferido, ou de sua autoria. Todos estão convidados a trazer seu poema de aniversário.

Já estiveram na Ponte de Versos este ano, Lílian Maial, Ricardo Ruiz, Rosália Milsztajn, Celi Luz e Karla Sabah, Alice Monteiro e Paulo Sabino, Claudia Roquette Pinto, Léo Ferreira, Monica Montone, Cristina Biscaia, Adriano Espínola, Gilberto Gouma, Manoel Herculano e Marcelo Mourão, entre fevereiro e julho. O evento, que fez 23 anos em julho, é gratuito e aberto ao público.

Ibis Libris Editora realiza, mensalmente, a ‘Ponte de Versos’, evento literário tradicional carioca e que esse ano faz parte da comemoração de seus 22 anos. Ocorrendo quinzenalmente desde 1999, na antiga Livraria Ponte de Tábuas, no Jardim Botânico, passando pelo Barteliê, em Ipanema, pela Livraria DaConde, no Leblon, na Livraria da Travessa, em Ipanema, e na Livraria do Bardo, em Copacabana, no Posto 6, reunindo poetas novos e já consagrados, a “Ponte de Versos” tem sido importante para a retomada da poética carioca.

A estrutura do evento é dividida em ‘Prato Principal’, onde os quatro poetas convidados leem por 10 minutos. Em seguida, a ‘Sobremesa’ é aberta ao público, quando cada pessoa pode recitar um poema por vez e, por fim, a ‘Saideira’, com a leitura de mais um poema curto cada um.

A ‘Ponte de Versos’ acontece no próximo dia 16 (terça), das 18h às 21h, na Blooks Botafogo, na Praia de Botafogo, 316 (Espaço Itaú de Cinema). Livre para todas as idades e com entrada franca. O uso de máscaras é indicado.

Traga seu poema de aniversário para a Sobremesa e a Saideira!

Prato Principal da Ponte de Versos

TANUSSI CARDOSO nasceu no Rio de Janeiro. Graduou-se em Direito e Jornalismo. É poeta, contista, crítico literário, letrista e tradutor. Tem poemas publicados em mais de 10 países e traduzidos para inglês, francês, espanhol, italiano, russo, esperanto e romeno. Vencedor de mais de 40 prêmios literários, nacionais e internacionais. Publicado em dezenas de antologias, nacionais e estrangeiras, tem treze livros de poesia editados, entre eles, “Viagem em torno de” (7Letras, 2000), Prêmio ALAP de Cultura e Prêmio Capital Nacional; “Exercício do Olhar” (Fivestar, 2006), “Melhor Livro de Poesia”, pelo Congresso Latino-Americano de Literatura; “Teias” (Costelas Felinas, 2013), Prêmio Literário Narciso de Andrade; “Eu e outras consequências” (Penalux, 2017), apresentado por Affonso Romano de Sant’Anna, Astrid Cabral e Ricardo Alfaya, Prêmio Manuel Bandeira, da União Brasileira de Escritores. “Exercício do Olhar” foi publicado em espanhol pelo poeta peruano Óscar Limache, como “Ejercicio de la mirada”, em 2020, após vencer um edital do Ministério da Cultura do Peru. Neste ano, foi agraciado com o TROFÉU RIO 2021, outorgado pela UBE-RJ. É membro do Pen-Clube do Brasil e da União Brasileira de Escritores. Foi Presidente do Sindicato dos Escritores do Estado do Rio de Janeiro. Em 2021, foi convidado a participar da I Feria Internacional del Libro de Huánuco, Peru. Participou do Festival Internacional de Poesía Palabra en el Mundo, Argentina. Teve poemas publicados na Revista Prometeo, na Colômbia, na Revista Errância, da Universidade Nacional do México, na Revista Gafe.info, da Espanha e na Revista Exílio, no México. Ainda foi convidado da 22a Feria Internacional del Libro – Poetas del Mar Interior de América, em Santa Cruz de La Sierra, Bolívia; e do 31º Festival Internacional de Poesía de Medellín, Colômbia. Foi o poeta brasileiro convidado para o VIII Encuentro de Poetas y Escritores Victorinos de Poncho y Sombrero, em Cajamarca, Peru, e também do encontro JUEVES LITERARIO EN PERÚ, em Bambamarca, Peru.

RAMON NUNES MELLO (Brasil, 1984) é poeta, escritor, jornalista e ativista dos direitos humanos. Autor dos livros “Vinis mofados” (Língua Geral, 2009), “Poemas tirados de notícias de jornal” (Móbile, 2010/2011), “Há um mar no fundo de cada sonho” (Verso Brasil, 2016) e “A menina que queria ser árvore” (Quase oito, 2018). Organizou, entre outros, “Tente entender o que tente dizer: poesia + hiv / aids” (Bazar do Tempo, 2018) e “Ney Matogrosso, Vira-Lata de Raça – memórias” (Tordesilhas, 2018). É curador da obra de Adalgisa Nery (1905-1980) e Rodrigo de Souza Leão (1965-2009).

CARMEN MORENO é poeta, contista e romancista carioca, bacharel em Artes Cênicas e licenciada em Educação Artística (UNIRIO), lecionou na área de sua formação. Membro Titular do PEN Clube do Brasil. Publicou: Diário de Luas (romance), Rocco; Sutilezas do Grito (contos), Rocco; O Primeiro Crime (romance policial), Coleção “Elas São de Morte”, Denise Assis (Org.), Rocco; O Estranho (contos), Five Star; De Cama e Cortes (poesia), UERJ; Loja de Amores Usados (poesia), Multifoco; Para Fabricar Asas (poesia), Ibis Libris, e Sobre o Amor e Outras Traições (poesia), Patuá. Integra mais de 40 coletâneas, nacionais e internacionais, com poemas publicados em Cuba, Argentina e Portugal. Algumas obras: Antologia da Nova Poesia Brasileira, Olga Savary (Org.), Hipocampo; Mais 30 Mulheres que Estão Fazendo a Nova Literatura Brasileira (contos), Luiz Ruffato (Org.), Record; As Mulheres Poetas na Literatura Brasileira, Rubens Jardim (Org.), Arribaçã. Sua obra foi tema de dissertação de Mestrado pela Universidade Federal do Rio Grande/RS. Entre as diversas premiações, destacam-se: Prêmio Casa da América Latina: Concurso de Contos Guimarães Rosa, Rádio França Internacional/Paris; Bolsa de Incentivo ao Escritor Brasileiro (poesia), MINC/BN, e Prêmio de Desenvolvimento de Roteiros Cinematográficos (MINC/ Secretaria do Audiovisual).

Sobre a Ibis Libris Editora

Ibis Libris é uma editora de primeiros livros de prosa e poesia, ficção e não ficção, infantis, juvenis e cultura em geral. Foi fundada em 18 de agosto de 2000 e hoje tem mais de 500 títulos publicados, principalmente de literatura. Sua fundadora, Thereza Christina Rocque da Motta, é poeta, editora e tradutora. Lançou “Joio & Trigo”, seu primeiro livro de poemas, em 1982. Tem 25 livros publicados, entre eles, “Capitu” (2014), “Breve anunciação” (2013) e “As liras de Marília” (2013). É membro do Pen Clube do Brasil e da Academia Brasileira de Poesia. Fundou a Ibis Libris em 2000, e criou o selo Bisbilibisbalabás em 2002. “Sheherazade” é seu primeiro livro de contos. Em 2021, criou o selo Maat somente para mulheres. Este ano, comemora os 22 anos da Ibis Libris Editora.

Segundo Thereza Rocque da Motta, “a Ibis Libris foi criada para dar voz aos autores que desejam transformar seus sonhos em livros e, com isso, dividir com eles os seus sonhos, como o meu, de ter o seu livro e, posteriormente, uma editora para transformar sonhos em realidade. Hoje, tenho o orgulho de poder apresentar todo esse empenho de 22 anos para provar que a força da mulher está e sempre estará presente”.

Instagram: @ibislibris @tcrmotta

Sobre Thereza Christina Rocque da Motta

Thereza Christina Rocque da Motta é poeta, editora e tradutora. Lançou “Joio & trigo”, seu primeiro livro de poemas, em 1982. Tem 25 livros publicados, entre eles, “Capitu” (2014) e o mais recente, um livro de contos, “Sheherazade: Novas histórias das 1001 noites e três já conhecidas”. É membro do Pen Clube do Brasil e da Academia Brasileira de Poesia. Fundou a Ibis Libris em 2000 e criou o selo BisBilibisbalabás em 2002. Em 2021, criou o selo Maat somente para autoras. Esse ano, a Ibis Libris comemora 22 anos que se completam em agosto. Coordena a ‘Ponte de Versos’ desde 2000. Em 18 de agosto de 2021, aniversário de 21 anos da Ibis Libris, recebeu a Medalha Chiquinha Gonzaga, conferida pela Câmara Municipal, pelos seus serviços relevantes prestados à cultura na Cidade do Rio de Janeiro. Em julho, aniversário de 23 anos da Ponte de Versos, Thereza Christina participou do 32º Festival Internacional de Poesía de Medellín, onde foi a única poeta brasileira convidada para ler 15 poemas. Em breve, lança a 4ª Edição Especial comemorando 40 anos do lançamento do seu 1º livro, “Joio & trigo”.

Instagram: @tcrmotta / @ibislibris

Sobre o Prêmio Jabuti 2022

Ibis Libris Editora inscreveu, pela primeira vez, mais de 10 títulos no Prêmio Jabuti deste ano, concorrendo em 16 categorias. A participação no Jabuti vem juntar-se à comemoração dos 22 anos da editora.

São 12 títulos, em Ciências Humanas, com “Expressões auxiliares da escrita: Manual de consulta e prática”, de Darcy Attanasio e Jucimara Tarricone, na Juvenil, com “Sheherazade: Novas lendas das 1001 noites e três já conhecidas”, de Thereza Christina Rocque da Motta, em Contos, “Ímpar”, de Gilberto Gouma e “Uma mesa de tamanho normal”, de Eliakim Ferreira Oliveira, em Biografia e Projeto Gráfico, “Um coração em verde-oliva”, de Vilma Belfort, “A casa de João Fernandes Vieira: O restaurador de Pernambuco”, de Cláudio Aguiar e “Andar a pé”, de Rogério Daflon, além de Capa, na Infantil, com “O menino dos olhos de lua” e “O bico da Laura”, ambos de Lílian Maial, em Romance, “Barulho de cachoeira”, de Dirce de Assis Cavalcanti e, em Poesia, com “Corpos de Troia”, de Alberto Lins Caldas e “Pandemia: 27 poemas brasileiros”, de Álvaro Alves de Faria, uma turma de peso.

Thereza Christina Rocque da Motta

Ibis Libris

Editora

Rua Pereira Nunes, 395 cob. 1.701

Vila Isabel

20.541-022 Rio de Janeiro – RJ

Tel.: 21-3546-1007 / 96580-0499

Agradecemos pela sua visita, por ler essa matéria e principalmente pelo prestígio da vossa audiência!

Compartilhe com seus amigos e pessoas que conheça o nosso conteúdo jornalístico e de entretenimento, e que também continuem nos prestigiando e se possível, nos seguindo em nossas redes sociais através do:

Instagram: https://www.instagram.com/sambrasilturismoecultura/                    

YouTube: https://www.youtube.com/channel/UCRQn6jlELDq9C57WGQegATw                   

Facebook: https://www.facebook.com/SambrasilTurismoeCultura                 

Twitter: https://twitter.com/PortalSambrasil                 

Spotify: https://open.spotify.com/user/x8yhy7k5ox83rzi81pxo3nikp                  

SoundClound: https://soundcloud.com/sambrasilpodcasts                   

Torcemos para que tudo esteja bem com você e com toda a sua família. Cuide-se!

PARA EVITAR O CONTÁGIO PELO CORONAVÍRUS E DE SUAS VARIANTES, INCLUSIVE JÁ EXISTEM AS MAIS NOVAS, CHAMADAS DE ÔMICRON XE E A ÔMICRON XQ, BASTANTE CONTAGIOSA. ALÉM DAS TRADICIONAIS DOENÇAS/SINDROMES RESPIRATÓRIAS, ENTRE ELAS JÁ ESTÁ CIRCULANDO O VRS (VÍRUS SINCICIAL RESPIRATÓRIO). E AINDA, JÁ TEM CONFIRMADO NO BRASIL, OS PRIMEIROS CASOS DA “VARÍOLA DO MACACO”.

AS TRÊS REGRAS BÁSICAS QUE SALVAM E PRESERVAM VIDAS DEVEM SER SEGUIDAS E ADOTADAS: USO DE MÁSCARA, HIGIENIZAÇÃO E A NÃO AGLOMERAÇÃO / DISTANCIAMENTO SOCIAL.

AH! VACINE-SE! A VACINAÇÃO LHE AJUDARÁ MINIMIZANDO OS CASOS GRAVES.

A PANDEMIA AINDA NÃO ACABOU!

E SE NÃO HOUVER UMA COINCIENTIZAÇÃO RADICAL DA POPULAÇÃO PARA RETOMADA E ATENÇÃO PRIORITÁRIA PARA OS CUIDADOS COM A PRESERVAÇÃO DA VIDA, AÍ MESMO, É QUE REALMENTE NÃO TEREMOS, COM NÚMEROS VERDADEIROS, INFORMADOS PELOS ÓRGÃOS COMPETENTES E A GRANDE MÍDIA, UMA REDUÇÃO DRÁSTICA DE CONTAMINAÇÃO E MORTES POR COVID E SUAS VARIANTES.

Os 7 sites de turismo mais acessados no mundo

Por Redação Nesta semana me deparei com um post do site Skift.com que apresentava os ...

Learn more

Related posts