Fabrinquedo & Fazelendo – Aprendendo e brincando como no passado, mas pensando no futuro

Por Redação

Uma parceria que dá certo com as bênçãos do poeta Manoel de Barros! Luiz Vaz, um dos fundadores do Teatro do Oprimido, convidou o bonequeiro Zé Luiz Reis para ajudá-lo na empreitada de contribuir com o aprendizado dos alunos da “Rede Municipal de Educação” em períodos de ensino híbrido ou à distância. O projeto “Fabrinquedo & Fazelendo”, um dos vencedores do Prêmio Arte-Escola (Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro) está de olho na cultura, mas com os pés na educação, com oficinas seguidas a uma apresentação de teatro de bonecos.

A intenção é incentivar a interatividade dos alunos e professores em sala de aula. “Aprendendo e brincando nos quintais do passado e pensando no futuro”, explica o professor de artes, especialista em Literatura Infantojuvenil, que é morador e ativista cultural da Zona Oeste do Rio e Mestre em Memória e Acervos.  Junto do seu amigo e parceiro de décadas de trabalho, conhecem a importância da Arte e a Cultura na formação pessoal e comunitária. “Vamos provocar manoelagens, brincando com o nome do poeta e as manualidades propostas pelas oficinas de confecção de brinquedos” – finaliza Vaz.

Tudo muito estimulado pelo espetáculo de Teatro de Miniaturas de Zé Luiz Reis, inspirado na poesia “O Menino e o Rio”, de Manoel de Barros (1916-2014), um dos principais poetas contemporâneos. 

A exibição é seguida de três tutorias de brinquedos populares e um jogo de criação poética também online, elaborados pelo professor de artes Luiz Vaz tendo foco nos alunos das escolas municipais do Rio de Janeiro. Com lançamento em março o trabalho estará disponível pelo Canal do Youtube do projeto divulgado nos endereços @apoeticadoobjeto do Instagram e Facebook.

As 4 oficinas de 3 minutos cada são interativas com as crianças e professor na escola em sala de aula, na biblioteca ou em outro espaço adequado.

Como dica para um melhor resultado entre os alunos e o conteúdo das oficinas, vamos sugerir ao professor na escola a leitura da poesia “O menino e o rio”, de Manoel de Barros. Em seguida, que todos assistam à peça on-line e ao tutorial da oficina escolhida para a aula – explica Vaz, ressaltando que todo o projeto tem 20 minutos de duração.

Informações: (21) 2428-3957

                      (21) 98462-8901

Feriados vão movimentar R$ 21 Bilhões no Turismo

Por Redação Uma projeção do Ministério do Turismo revela que as viagens nos fins de ...

Learn more

Related posts