1º FESTIVAL DE INVERNO DA CASA DA BOSSA

Por Redação

Durante os domingos de julho e agosto de 2018, a Beco das Garrafas Produções, em parceria com a Acre Musical, promovem o Primeiro Festival de Inverno da recém-inaugurada Casa da Bossa. Este será o início de uma serie de festivais chamada BOSSA + que festejará as estações do ano com eventos musicais especiais. Em Setembro e Outubro, será a vez do Festival da Primavera, e assim sucessivamente, Verão e Outono.

Nos dias do festival, haverá um show no Palco Principal e um show de abertura no Palco Vitrine.

O Palco Vitrine, que fica no delicioso Espaço Café, apresentará pockets shows em duo de artistas em ascensão na cena musical carioca que se apresentam no Beco das Garrafas, fazendo um link com o berço da bossa de Copacabana e sua extensa programação musical.

Com curadoria de Amanda Bravo, cantora e produtora musical, o festival reúne atrações de diversos estilos e gerações ou shows temáticos idealizados especialmente para o evento.

 

Datas:

Julho – Domingos 1, 8, 22, 29

Agosto – Domingos 5, 12, 19, 26

Horários:

Show de Abertura – 19h | Show principal – 20h

Ingressos: Inteira – R$ 60,00 | Meia – R$ 30,00 | Lista Amiga – R$ 40,00

 

PROGRAMAÇÃO

 

01 DE JULHO | DOMINGO

PALCO VITRINE | 19:00 | LIVRE

FERNANDA SANT’ANNA: VIVA ELIS

A cantora Fernanda Sant'Anna, em duo com o violonista William de Magalhães, apresenta o pocket-show Viva Elis, com músicas que marcaram época na voz de Elis Regina. A jovem cantora, natural de Barbacena, Minas Gerais, vem se destacando no cenário musical carioca e promete emocionar o público nesta breve apresentação na abertura do Festival de Inverno da Casa da Bossa.

 

O repertório, que possui arranjos e roupagem moderna, conta, através da Música Brasileira, um pouco da rica trajetória musical de Elis. É que se fez do seu braço, do seu lábio e da sua voz: um retrato cantado da história do Brasil.

 

SERVIÇO:

Evento: FERNANDA SANT’ANNA: VIVA ELIS

Data: 01 de julho, domingo

Horário: 19 horas

Local: Casa da Bossa – Sala Municipal Baden Powell – Palco Vitrine

Endereço: Avenida N. Sra. de Copacabana, 360 – Telefones: (21) 2547-9147 / (21) 98675-4222

Valor do Ingresso: Entrada Franca

Local de venda: Retirada de Ingressos na bilheteria do teatro de 4ª a domingo das 14h30 às 21h

Duração: 60min

Classificação: Livre

Lotação: 100 lugares

 

 

 

01 DE JULHO | DOMINGO

PALCO PRINCIPAL | JOYCE MORENO. Participação João Donato, o baterista Tutty Moreno, a filha Ana Martins e o neto Tom.

SINOPSE:

 

JOYCE MORENO – EM FAMÍLIA

 

Como parte das comemorações de seus 50 anos de carreira, a cantora, compositora e violonista JOYCE MORENO volta ao bairro onde nasceu e se criou – Copacabana – para apresentar na Sala Baden Powell um show diferente, caloroso e intimista. JOYCE MORENO – EM FAMÍLIA reúne, além da artista e do companheiro de sempre, o legendário baterista TUTTY MORENO, também a filha ANA MARTINS – cantora com 3 CDs lançados no Japão (o mais recente Samba Sincopado, lançado no Brasil pela Biscoito Fino) – e o neto TOM ANDRADE, jovem percussionista e cantor já com forte presença em vários grupos da nova cena da música vocal do Rio de Janeiro.

 

No repertório, sucessos novos e antigos, e algumas novidades para 2018. Com previsão de uma ‘canja-surpresa’ de um velho amigo da família, suingado e cheio de bossa…A compositora e cantora de carreira internacional abre o BOSSA + 1º Festival de Inverno da Casa da Bossa. Autora do sucesso atemporal “Feminina”, hino das feministas de todos os tempos e tema do seriado da TV Globo Malu Mulher, Joyce vai esquentar o inverno do Rio, apresentando um show inédito e idealizado especialmente para a ocasião e com grandes surpresas e participações especiais.

 

SERVIÇO:

 

Evento:  JOYCE MORENO.  Participação João Donato, o baterista Tutty Moreno, a filha Ana Martins e o neto Tom.

Data: 1 de julho de 2018, domingo

Horário: 20 horas

Local: Sala Municipal Baden Powell

Endereço: Avenida N. Sra. de Copacabana, 360 – Telefones: (21) 2547-9147 / (21) 98675-4222

Valor do Ingresso: R$ 60,00 (inteira) – R$ 30,00 (meia) – R$ 40,00 (lista amiga)

Local de venda: Ingressos à venda na bilheteria do teatro de 4ª a domingo das 14h30 às 21h pela internet na plataforma da Ticketmais

Cartões de Débito: Não

Duração: 90min

Classificação: Livre

Acessibilidade: Sim

Estacionamento: Não

Lotação: 469 lugares

 

 

08 DE JULHO | DOMINGO

PALCO VITRINE | 19:00 | LIVRE

Dilma Oliveira.

SINOPSE

A cantora apresenta um repertório de sambas e bossas clássicas de todos os tempos, com sucessos de Tom Jobim, Baden Powell, João Bosco, Cartola, Nelson Cavaquinho entre outros renomados.

 

Dilma Oliveira é carioca da gema e tem se apresentado nos melhores clubes e teatros da cena carioca. Vencedora de vários prêmios como melhor intérprete e dona de uma voz potente e envolvente, a cantora cativa o público com sua performance, e com um repertório rico e versátil que inclui o blues, jazz e bossa nova.

 

SERVIÇO:

Evento: Dilma Oliveira

Data: 08 de julho, domingo

Horário: 19 horas

Local: Sala Municipal Baden Powell – Palco Vitrine

Endereço: Avenida N. Sra. de Copacabana, 360 – Telefones: (21) 2547-9147 / (21) 98675-4222

Valor do Ingresso: Entrada Franca

Local de venda: Retirada de Ingressos na bilheteria do teatro de 4ª a domingo das 14h30 às 21h

Duração: 60min

Classificação: Livre

Lotação: 100 lugares

 

 

 

 

08 DE JULHO | DOMINGO

PALCO PRINCIPAL | 20:00 |

LENY ANDRADE E QUARTETO DO RIO

O Quarteto do Rio é um grupo vocal e instrumental formado pelos ex-integrantes de Os Cariocas, Elói Vicente (violão e voz), Neil Teixeira (contrabaixo e voz) e Fabio Luna (bateria, flauta e voz) e Leandro Freixo (piano e voz) que se juntou ao grupo após a mudança de nome. Leny Andrade é uma intérprete consagrada mundialmente, um dos maiores nomes da música brasileira, a nossa diva.

 

Juntos no palco, Leny e o Quarteto apresentam um repertório de compositores consagrados da nossa música, como, Tom Jobim, Roberto Menescal, Milton Nascimento, Baden Powell, Carlos Lyra, Vinícius de Moraes, Durval Ferreira e Nelson Cavaquinho, entre outros.

É um encontro de artistas que se admiram e se integram de um jeito muito especial, resultando num espetáculo único e imperdível.

 

SERVIÇO:

Evento: LENY ANDRADE E QUARTETO DO RIO

Data: 8 de julho de 2018, domingo

Horário: 20 horas

Local: Sala Municipal Baden Powell

Endereço: Avenida N. Sra. de Copacabana, 360 – Telefones: (21) 2547-9147 / (21) 98675-4222

Valor do Ingresso: R$ 60,00 (inteira) – R$ 30,00 (meia) – R$ 40,00 (lista amiga)

Local de venda: Ingressos à venda na bilheteria do teatro de 4ª a domingo das 14h30 às 21h pela internet na plataforma da Ticketmais

Cartões de Débito: Não

Duração: 90min

Classificação: Livre

Acessibilidade: Sim

Estacionamento: Não

Lotação: 469 lugares

 

 

22 DE JULHO | DOMINGO

 

 

 

PALCO VITRINE | 19:00 | LIVRE

 

AMANDA BRAVO: SAMBALANÇO

 

SINOPSE:

 

A cantora apresenta o show Sambalanço, ritmo dançante primo da bossa nova que surgiu no final dos anos 50 e início dos anos sessenta, nas boates de Copacabana e nos bailes nos subúrbios do Rio de Janeiro, misturando jazz, samba, bossa nova e música latina. Sucessos de Orlandivo, Ed Lincoln, Durval Ferreira, Miltinho e também de João Donato, Marcos Valle, Roberto Menescal, Jorge Ben e Carlos Lyra estão no repertório do show, que também conta histórias do movimento, dos compositores e canções. César Ferreira (violão), Rubinho Moreira (bateria) e Zé Luiz Maia (baixo) formam o Grupo Sambalanço, que  acompanha a cantora e interpreta sucessos instrumentais da época.

 

RELEASE:

 

Amanda Bravo mostra o verdadeiro Sambalanço no Festival de Inverno da Casa da Bossa

 

O Sambalanço teve 3 pilares: Orlandivo, Ed Lincoln e Durval Ferreira, pai da cantora e produtora Amanda Bravo.

 

Embalada por este suingue desde pequena, Amanda se dedicou a pesquisar mais profundamente o estilo, seus intérpretes e compositores e sua história. Além de ter atuado ao lado de Orlandivo nos últimos 10 anos em bailes e shows em que ele foi redescoberto pela nova geração e nas pistas de dança no exterior.

 

Neste contato, Amanda pode aprender na prática toda a cadencia, suingue, interpretação e divisão rítmica do estilo, que muitas vezes é confundido com Samba-Rock.

 

Assim, nasce o show que a cantora vem apresentando todas as sextas-feiras no Beco das Garrafas.

 

Amanda fala sobre o Sambalanço, sobre os famosos bailes dançantes do conjunto de Ed Lincoln em que consagrados músicos fizeram escola – como Emílio Santiago, Marcio Montarroyos, Paulinho Trompete, Leny Andrade, Wilson das Neves, para citar alguns, sobre outros ícones do estilo como Miltinho, Doris Monteiro, Silvio César e Pedrinho Rodrigues e mostra músicas como “Bolinha de Sabão”, “Mulher de 30”, “Palladium”, “Confissão”, “Brincando de Samba” e outras genuinamente sambalanços.

 

Sambalanço é um ritmo que surgiu no final dos anos 50 e início dos anos sessenta, nas boates de Copacabana e nos bailes nos subúrbios do Rio de Janeiro, misturando jazz, samba, bossa nova e música latina. O ritmo dançante contagiava quem estava nas pistas, conquistando o público de todo o Brasil e admiradores em todo o mundo.

 

Amanda está em fase de gravação de seu primeiro cd “Sambalanço” a ser lançado ainda este ano e que conta com a participação de grandes músicos que atuaram ao lado de seu pai, de Orlandivo, Miltinho e Ed Lincoln como João Donato, Marcos Valle, Paulinho Trompete, Alex Malheiros, Fernando Merlino, Rubinho entre outros.

 

SERVIÇO:

Evento: AMANDA BRAVO: SAMBALANÇO

Data: 22 de julho, domingo

Horário: 19 horas

Local: Sala Municipal Baden Powell – Palco Vitrine

Endereço: Avenida N. Sra. de Copacabana, 360 – Telefones: (21) 2547-9147 / (21) 98675-4222

Valor do Ingresso: Entrada Franca

Local de venda: Retirada de Ingressos na bilheteria do teatro de 4ª a domingo das 14h30 às 21h

Duração: 60min

Classificação: Livre

Lotação: 100 lugares

 

22 DE JULHO | DOMINGO

 

PALCO PRINCIPAL | 20:00 | R$ 60 (INTEIRA) R$ 30 (MEIA) R$ 40 (LISTA AMIGA)

 

ROBERTO MENESCAL E ABEL SILVA: O ENCONTRO INÉDITO – PART. ESPECIAL JOÃO DONATO

 

SINOPSE:

 

De um lado Roberto Menescal, músico, arranjador, produtor, um dos pilares da bossa nova e parceiro em clássicos como “O barquinho”, “Ah, se eu pudesse”, “Errinho à toa”, “Nós e o mar”, “Rio”, “Você” e “Vagamente”, só para citar alguns. De outro Abel Silva, escritor e letrista de mão cheia, que tem entre os parceiros mais constantes nomes como Sueli Costa, Fagner, João Donato, Dominguinhos, João Bosco, Moraes Moreira, Francis Hime, Ivan Lins, Geraldinho Azevedo e o próprio Menescal. Depois da primeira parceria, “Transparências”, incluída no novo projeto, Menescal e Abel lançam o álbum “O encontro inédito”, reunindo 10 canções compostas em épocas diferentes e com sonoridades variadas.

 

Nesta noite especial, a dupla convida o parceiro de ambos, João Donato, para juntos apresentarem canções como “Simples Carinho”, “Brisa do Mar”, “Verbos do Amor”, “Rio Exaltação”, “Entre o sim e o Não”.

 

 

Roberto Menescal, que comemora 80 anos em outubro e tem em seu currículo aulas de teoria, harmonia e contraponto com os maestros Guerra Peixe e Moacir Santos, relembra o primeiro encontro com Abel Silva:

 

“Marquei um encontro, já com a fita K-7 com a melodia, e custei a acha-lo no Plataforma (escritório do nosso mestre Tom Jobim), porque não o conhecia pessoalmente. Quando vi aquele cara sozinho, falei: “Este é o Abel. De lá pra cá, fizemos mais de 20 músicas”.

 

Abel Silva comenta sobre seu encontro musical com Menescal e Donato:

 

“Sou um cara de sorte pois, sendo “um filho” da Bossa Nova pude misturar minha poesia ao trabalho dos grandes mestres Donato e Menescal. O Carlinhos não perde por esperar… Foi por convites que entrei nessa. Donato tinha um trabalho quase exclusivamente instrumental e, pelo que ouvi, o imenso Dorival Caymmi sugeriu que ele usasse letras em sua música. Como Donato estava trabalhando com Fagner, pediu a ele uma sugestão de poetas e assim eu fui escolhido. Naquela época, eu só trabalhava com parceiros mandando antes a letra e quando vi estava ao lado do piano do Donato e diante de uma belíssima melodia. Fiquei feliz porque a letra saiu muito facilmente o que aliás veio a acontecer em toda a nossa parceria. Aprendi portanto em excelente escola a letrar melodias inéditas o que expandiu muito o meu trabalho. Temos uma coleção de sucessos lindos e que pretendo cantar com o parceiro nesse show. Não poderão faltar Simples Carinho, Brisa do Mar, Entre o sim e o Não, Verbos do Amor, Homem Feliz, Os Caminhos e a primeira Diapasão lançada pelo saudoso Emílio Santiago.

 

Meu trabalho com Menescal começou de forma parecida. Menescal ficou anos como diretor de grandes gravadoras e largou a composição deixando, inclusive, de possuir seu instrumento – o violão! um absurdo! que Nara Leão ,sua amiga da vida inteira corrigiu convidando-o a trabalharem juntos novamente. Na ausência do parceiro Ronaldo Boscoli, Menescal pénsou em mim justamente porque acabara de produzir o LP Simples Carinho da Ro Ro.

 

Não sou um cara de sorte? Temos produzido intensamente, já gravamos um CD (Encontro Inédito de Roberto Menescal e Abel Silva) . Nara foi a primeira intérprete a gravar nossa parceria ,”Transparências”  presente no CD.

 

Temos viajado , feito shows com jovens cantoras como Sáloa, e craques como Cris Delano e Leila pinheiro.

 

Estou muito feliz em realizar esse show”.

 

No álbum “O encontro inédito”, as parcerias de Menescal e Abel ganham as vozes de Ana Costa, Georgeana Bonow, Sáloa Farah, Claudia Telles, Wanda Sá, Cris Delano, Isabella Taviani, Fernanda Takai, Leila Pinheiro e da “madrinha” Nara Leão, aqui na gravação de “Transparências”, ao lado de Menescal.

 

 

SERVIÇO:

Evento: ROBERTO MENESCAL E ABEL SILVA: O ENCONTRO INÉDITO – PART. ESPECIAL JOÃO DONATO

Data: 22 de julho de 2018, domingo

Horário: 20 horas

Local: Sala Municipal Baden Powell

Endereço: Avenida N. Sra. de Copacabana, 360 – Copacabana – Telefones: (21) 2547-9147 / (21) 98675-4222

Valor do Ingresso: R$ 60,00 (inteira) – R$ 30,00 (meia) – R$ 40,00 (lista amiga)

Local de venda: Ingressos à venda na bilheteria do teatro de 4ª a domingo das 14h30 às 21h pela internet na plataforma da Ticketmais

Cartões de Débito: Não

Duração: 90min

Classificação: Livre

Acessibilidade: Sim

Estacionamento: Não

Lotação: 469 lugares

27 DE JULHO | SEXTA

 

PALCO VITRINE | 19:00 | LIVRE

ANDRÉIA CARNEIRO: BOSSA, A NOSSA CARIOQUICE

SINOPSE:

Bossa, um jeito diferente de se fazer música brasileira. Bossa, uma onda que se iniciou muito antes do movimento Bossa Nova e que continuará muito depois dela. A Bossa é aberta para influenciar e se deixar influenciar com estilos, propostas, tendências. Com esta atitude, Andreia Carneiro apresenta, em comemoração aos 60 anos da Bossa Nova, um show com uma pegada que mistura o que veio antes, o que ficou imortalizado e o frescor da novidade. Destacam-se: “Estrada do Sol” de Dolores Duran e Tom Jobim;

“Samba de verão” de Marcos e Paulo Sérgio Vale e “A voz rouca da crooner” de Márcio Proença e Ivor Lancellotti.

 

SERVIÇO:

 

Evento: ANDRÉIA CARNEIRO: BOSSA, A NOSSA CARIOQUICE

 

Data: 27 de julho, sexta-feira

 

Horário: 19 horas

 

Local: Sala Municipal Baden Powell – Palco Vitrine

 

Endereço: Avenida N. Sra. de Copacabana, 360 – Copacabana – RJ

 

Telefones: (21) 2547-9147 / (21) 98675-4222

Valor do Ingresso: Entrada Franca

Público alvo: Classe artística, formadores de opinião, músicos, jornalistas. Moradores da Zona Sul, de 20-80 anos

Público esperado: 100 pessoas

Local de venda: Retirada de Ingressos na bilheteria do teatro de 4ª a domingo das 14h30 às 21h

Duração: 60min

Classificação: Livre

Acessibilidade: Sim

Estacionamento: Não

Lotação: 100 lugares

 

 

ALCO PRINCIPAL | 20:00 | R$ 60 (INTEIRA) R$ 30 (MEIA) R$ 40 (LISTA AMIGA)

 

SUELI COSTA CONVIDA FERNANDA CUNHA E ÁUREA MARTINS – SHOW DE LANÇAMENTO DO CD

 

SINOPSE:

 

Em 2017 Sueli Costa, uma de nossas maiores compositoras, completou 50 anos de carreira. A comemoração se deu com um show ao lado das cantoras Fernanda Cunha e Aurea Martins na Sala Baden Powell no Rio de Janeiro. O trio acompanhado pela própria Sueli no piano, Ze Carlos no violão, Berval Moraes no baixo e Helbe Machado na bateria, passeou por alguns dos grandes sucessos de Sueli , tais como “Jura secreta”(parceria com Abel Silva),”Amor amor” e “Face a face” (parceria com Cacaso) e Medo de amar numero 2 (parceria com Tite de Lemos).

 

O show foi muito bem recebido pela crítica e público, e se repetiu em 2018 na Casa do Choro e também no Centro de Referencia da Música Carioca onde foi gravado ao vivo. O material gravado que captou não só a música mas a emoção da platéia, transformou-se no CD ” Sueli Costa convida Fernanda Cunha e Aurea Martins” produzido por Fernanda e com lançamento digital 25 de junho de 2018.

 

O show de lançamento do CD será onde tudo começou, na Sala Baden Powell, dia 27 de Julho, aproveitando também para comemorar o aniversário de 75 anos de Sueli Costa.

 

SERVIÇO:

Evento: SUELI COSTA CONVIDA FERNANDA CUNHA E ÁUREA MARTINS – SHOW DE LANÇAMENTO DO CD

Data: 27 de julho de 2018, sexta-feira

Horário: 20 horas

Local: Sala Municipal Baden Powell

Endereço: Avenida N. Sra. de Copacabana, 360 – Copacabana – Telefones: (21) 2547-9147 / (21) 98675-4222

 

Valor do Ingresso: R$ 60,00 (inteira) – R$ 30,00 (meia) – R$ 40,00 (lista amiga)

 

Local de venda: Ingressos à venda na bilheteria do teatro de 4ª a domingo das 14h30 às 21h pela internet na plataforma da Ticketmais

 

Cartões de Débito: Não

Duração: 90min

Classificação: Livre

Acessibilidade: Sim

Estacionamento: Não

Lotação: 469 lugares

 

29 DE JULHO | DOMINGO

 

PALCO VITRINE | 19:00 | LIVRE

 

FLÁVIA DANTAS CANTA NARA E JOÃO

 

SINOPSE:

 

Flávia Dantas, acompanhada do violão de Bernardo Dantas, interpreta canções de bossa nova, com um repertório em homenagem a Nara Leão e João Gilberto: Tom Jobim, Vinicius de Moraes, Carlos Lyra, Roberto Menescal, João Donato, Chico Buarque, Dorival Caymmi, entre outros estarão presentes nesse show especial.

 

Com seu doce canto, Flávia Dantas usa seu timbre para embalar belas bossas. O sotaque carioca alcança um público atento, em diversos países, encantando as plateias mais exigentes e de faixa etárias diversas.

 

RELEASE:

 

Flávia Dantas, além de seu trabalho autoral, canta um repertório de bossa nova, samba e MPB de compositores consagrados como Chico Buarque, Carlos Lyra, Tom Jobim, Geraldo Pereira, e por aí vai… Tem como forte referência João Gilberto e Nara Leão!!!

 

Canta em formações variadas, como voz e violão, quarteto e orquestra.

 

É cantora da Orquestra Carioca de Samba. A Orquestra Carioca de Samba une os instrumentos tradicionais do samba como violão, cavaquinho e pandeiro a um pequeno naipe de sopros, típico das formações de Big Bands de jazz. Sempre privilegiando uma sonoridade brasileira. Em seu repertório, toca canções e temas instrumentais de importantes compositores como Assis Valente, Noel Rosa, Ary Barroso, Cartola, Dorival Caymmi, Chico Buarque, Tom Jobim, Jacob do Bandolim, além de composições autorais e de novos compositores como Edu Krieger, Rubinho Jacobina e outros.

 

Evento: FLÁVIA DANTAS CANTA NARA E JOÃO

Data: 29 de julho, domingo

Horário: 19 horas

Local: Sala Municipal Baden Powell – Palco Vitrine

Endereço: Avenida N. Sra. de Copacabana, 360 – Copacabana – Telefones: (21) 2547-9147 / (21) 98675-4222

Valor do Ingresso: Entrada Franca

 

Público esperado: 100 pessoas

Local de venda: Retirada de Ingressos na bilheteria do teatro de 4ª a domingo das 14h30 às 21h

Cartões de Débito: Não

Duração: 60min

Classificação: Livre

Gênero: Música

Acessibilidade: Sim

Estacionamento: Não

Lotação: 100 lugares

 

 

 

29 DE JULHO | DOMINGO

 

PALCO PRINCIPAL | 20:00 | R$ 60 (INTEIRA) R$ 30 (MEIA) R$ 40 (LISTA AMIGA)

INDIANA NOMMA: TRIBUTO A MERCEDES SOSA

 

SINOPSE:

 

No dia 29 de julho, domingo, às 20h, a Sala Baden Powell em Copacabana recebe uma inédita homenagem em TRIBUTO A MERCEDES SOSA, a eterna representante da música latinoamericana, apresentado pela cantora hondurenha-brasileira INDIANA NOMMA.

 

MERCEDES SOSA, La Negra, completaria 83 anos de nascida em julho de 2018 e deixou um legado por várias gerações, sendo Indiana Nomma um de seus frutos que segue há 18 anos apresentando este show com apoio da Fundación Mercedes Sosa na Argentina.

 

RELEASE:

Era início dos anos oitenta quando, Indiana Nomma, filha de pai baiano e mãe gaúcha exilados durante o golpe de 64 e sua família chegam à Nicaragua três meses após a Revolução Sandinista. Um ano depois, comemoravam com toda a população nicaragüense o feito popular de alfabetizar o povo com a ajuda de voluntários. Centenas uniram-se e partiram em paus- de-arara para os confins do país. Montaram escolas, renovaram vidas, ajudaram a eliminar a ignorância. Sua mãe foi uma das voluntárias. E Mercedes Sosa, “La Negra”, ao final da missão presenteia o povo com um grande show. Todos cantam juntos “Canción con Todos”. Indiana nunca esqueceu.

 

Cria da América Latina, Indiana Nomma, essa hondurenha-brasileira que cresceu entre México, Nicarágua, Portugal, Alemanha e está há 30 anos no Brasil, apresenta em tributo à grande Mercedes Sosa canções como Duerme Negrito, Solo Le Pido A Diós, Alfonsina Y El Mar, Si Se Calla El Cantor e tantas outras imortalizadas na voz de “La Negra”.

 

Emprestam seus talentos e sonoridades ao show, o violonista gaúcho André Siqueira e o baterista brasileiro Renato Glória. E para pontuar através da poesia, o ator e poeta gaúcho Tomás Ribas.

Um convite à reflexão pelos ideais de uma geração e seus herdeiros.

Um convite ao respeito humano, à dignidade e à voz do povo.

 

Um convite a nunca se calar

Nascida em Honduras, filha de pai baiano e mãe gaúcha, Indiana Nomma cresceu no México, Portugal, Nicarágua, Alemanha Oriental e Brasília. Estudou canto erudito, explorou o teatro e o canto coral o que a fez cantar em tournês por Costa rica e em Nova Yorque, no Carnegie Hall antes mesmo de completar 20 anos de idade.

 

Após 14 anos desenvolvendo sua carreira musical em Brasília, tendo aberto shows de artistas como Gloria Gaynor, Billie Paul, Ney Matogrosso, Milton Nascimento, Jorge Aragão, Celso Blues Boy, entre outros, Indiana Nomma passou a atuar no Rio de Janeiro desde 2010 onde é reconhecida como revelação do brasilian jazz.

 

Em fins de 2015, lançou seus 2 primeiros CDs, sendo o primeiro produzido por ela, o homônimo INDIANA NOMMA com músicas inéditas. O segundo cd, UNEXPECTED foi produzido em parceria com o pianista Osmar Milito e logo concorreu em 2016 ao 26º Prêmio da Música Brasileira na

 

SERVIÇO:

Evento: INDIANA NOMMA: TRIBUTO A MERCEDES SOSA

Data: 29 de julho de 2018, domingo

Horário: 20 horas

Local: Sala Municipal Baden Powell

Endereço: Avenida N. Sra. de Copacabana, 360 – Copacabana – Telefones: (21) 2547-9147 / (21) 98675-4222

Valor do Ingresso: R$ 60,00 (inteira) – R$ 30,00 (meia) – R$ 40,00 (lista amiga)

Local de venda: Ingressos à venda na bilheteria do teatro de 4ª a domingo das 14h30 às 21h pela internet na plataforma da Ticketmais

Cartões de Débito: Não

Duração: 90min

Classificação: Livre

Acessibilidade: Sim

Estacionamento: Não

Lotação: 469 lugares

Rio Gastronomia deixou o Rio ainda mais receptivo e saboroso

Por Redação O Portal Sambrasil Turismo e Cultura – www.sambrasil.net/turismoecultura ...

Learn more

Related posts