Browse By

SUPLEMENTAÇÃO NUTRICIONAL: USAR OU NÃO USAR?

Por Milena Nogueira

Olá, Mundo do Samba e leitores do Portal de Notícias Sambrasil – www.sambrasil.net.

Esta semana, vou abordar um assunto um pouco polêmico, mas que sempre ronda quem frequenta o ambiente das academias: a suplementação alimentar.

Muitas vezes, ouve-se falar que é necessário usar suplementos para ter uma melhor performance, para se obter um ganho de massa, aumentar a disposição para o treino, entre tantas outras razões. Ou seja, são muitos os motivos para essa indústria crescer.

Na minha última aula da pós-graduação em Fisiologia do Exercício, este assunto foi discutido e explicado.

Na verdade, a alimentação adequada para praticantes de atividades físicas ou esportes deve ser encontrada nos alimentos normais, ou seja, numa dieta balanceada e de qualidade. Salvo os casos especiais, não há necessidade de se usar a suplementação.

O nome é autoexplicativo. Suplementa, complementa, não faz sozinho.

A comercialização indiscriminada destes produtos enriquece alguns e fere a saúde de outros. Quando o vendedor destes produtos indica o uso de uma proteína, por exemplo, ele normalmente não informa que o consumo vai sobrecarregar o fígado, pois o produto é metabolizado lá e, com isso, a ingestão de água deve ser bem maior do que o usual. O usuário da suplementação alimentar não tem esse conhecimento e com os anos poderá desenvolver alguma doença ou deficiência hepática.

A suplementação vem acompanhada de informação errônea e da promessa de se atingir um resultado mais rápido e sem esforço.

O resultado pode até acontecer, mas no seu tempo, como recompensa do esforço, do sono diário, do treino correto e frequente e, é claro, da boa alimentação.

A dieta somada à suplementação prescrita por um médico não deve ser um risco, pelo contrário. Ela deverá garantir um bom resultado ao atleta ou praticante de atividades físicas. Um treino elaborado por um educador físico pensado nas necessidades do aluno, em melhorar seu desempenho, respeitando seus limites, não tem como dar errado – a não ser que o aluno não se dedique.

Informem-se. Tenham sempre um aconselhamento médico que os resultados irão aparecer e, o melhor, virão com saúde.

Eu fico por aqui, desejando uma semana produtiva a todos!

Bons treinos!

Artistas e amigos se reúnem para ajudar o Maestro Ivan Paulo

Por Redação O maestro Ivan Paulo, aos 79 anos, enfrenta um grave câncer, que atingiu ...

Learn more