Browse By

CARNAVAL SP 10 – MOCIDADE ALEGRE

Equipe: Carol Ferreira e Rayanne Silva

Suporte: Júlia Fernandes

Suporte Remoto: Jaqueline Costa

ENREDO 2018: A voz Marrom que não deixa o samba morrer

LETRA DO SAMBA:

Não deixe o samba morrer
Não deixe o samba acabar
Na Mocidade, vem ver, o nosso povo cantar
A poesia sorriu ao falar de emoção
Em sua voz, Marrom!

Mãe negra, baila teu sonho no ar
Exala o canto da flor mais bela
O sol há de brilhar mais uma vez
O povo desce o morro para consagrar
A voz que eterniza a força do nosso cantar
Na gira do jongo que invade o terreiro
Faz do samba de roda, um batuque feiticeiro
Numa linda aquarela
Marrom é o tom da nossa canção
É raiz da resistência, a negra inspiração

Ê São Luís do Maranhão, ilha do amor
Onde o canto da menina ecoou
A batida do tambor, é pro Santo abençoar
Bumba meu boi, festança popular

Mulher
Toda forma de amar se traduz em você
O dom de tocar corações
Encantar, provocar emoções
À flor da pele declama delírios de amor
Mangueira, sua paixão, Estação Primeira
No chão de esmeraldas em mangueira
Refloresce a cada carnaval
Num amanhã verde e rosa
Ao sambista mais novo
Deixa um pedido final


FICHA TÉCNICA:
Presidente de Honra
Sr. Juarez da Cruz -In Memorian
Presidente
Solange Cruz Bichara Rezende
Vice-Presidente
Marcos Rezende dos Santos Nascimento (Mestre Sombra)
Assessor da Presidência e Presidente de Honra da Harmonia
José Francisco Pachón
Direção de Carnaval
Anselmo Moreira
Daniel Sena
Eduardo Teixeira
Erica Ferreira
Fabio Carromeu
Janaína Lima Piccirillo
João Lolla Júnior
Marcos Rezende
Sérgio Henrique
Solange Cruz Bichara Rezende
Vanderley da Silva Junior
Comissão de Carnaval
Alcineide Lopes
José Carlos Lopes
Paulo Brasil
Assessoria Artística
Leandro Vieira
Intérprete Oficial
Tiganá
Mestres de Bateria
Marcos Rezende dos Santos Nascimento (Mestre Sombra)
Carlos Augusto Cruz Bichara Rezende (Sombrinha)
Direção Geral de Harmonia
Vanderley da Silva Junior
Direção Geral de Carnaval
João Lolla Júnior (Júnior Dentista)
Casais de Mestre-Sala e Porta-Bandeira
1º Emerson Ramires e Karina Zamparolli
2º Suellen Farias e Diego Henrique dos Santos
3º Jocimar Martins e Simone Castro
Presidente de Honra da Ala de Compositores
Sr. Alberto Alves (Sr. Beto) In Memorian
Diretora Financeira
Adriana Cruz Bichara
Departamento Financeiro
Vera Lúcia Magalhães
Departamento de Eventos
Jean Sabino
Victoria Catarine
Marcelo Pereira
Sandra
Evelyn
Henrico
Cintia Cici
Elaine Cristina
Luciana Teixeira
Patricia Teixeira
Departamento de Turismo, Receptivo e Shows
Gilberto Ribeiro
Paula Scapecki
Malú Fernandes
Departamento de Marketing
Janaína Lima Piccirillo
Sérgio Henrique
Departamento Cultural
Danilo S. de Jesus
Fabio Parra
Assessoria de Imprensa
Fabico Lima
Produtor Audiovisual/Comunicação
Dionísio Neto

 

Título: Mocidade alegre faz homenagem a Voz Marrom

A Escola de Samba Mocidade Alegre trouxe para a avenida uma homenagem a cantora Alcione, de uma maneira que o público a conhece, além é claro de enaltecer suas obras, bem como Maranhão, seu estado natal.

Como a própria homenageada comenta: “Precisa ter muita sorte para ser escolhida como tema de samba enredo”

A vermelho, verde e branco mostrou toda sua contribuição musical, além de peças da cultura Maranhense, bem como sua trajetória no mundo sambista, e é claro, a paixão confessa pela Estação Primeira de Mangueira.

Fantasias coloridas, alegres e que remetiam muita leveza, com o uso de esponjas, espuma e E.v.A. A agremiação inovou com efeitos de pintura, a fim de impactar visualmente.

Hanna apresentará o seu novo show “60 anos de Bossa nova – Homenagem a João Gilberto”

Por Redação A cantora, compositora e atriz HANNA apresentará o show "60 anos de Bossa ...

Learn more