Browse By

ARLINDO CRUZ, por Marcelo Faria – Copyright 2012 – Portal Sambrasil / Agência Sambrasil

ARLINDO CRUZ, por Marcelo Faria – Copyright 2012 – Portal Sambrasil / Agência Sambrasil
Imagem produzida durante o projeto “Botequim da Cidade do Samba” em edição especial pelos 95 do Samba

Por Marcelo Faria

Imagem produzida durante o projeto “Botequim da Cidade do Samba” em edição especial pelos 95 do Samba

Arlindo Domingos da Cruz Filho (Rio de Janeiro, 14 de setembro de 1958) é um músico brasileiro, compositor e cantor de samba. Arlindo Cruz participou do grupo Fundo de Quintal. Em 2015, ganhou o 26º Prêmio da Música Brasileira na categoria Melhor Cantor de Samba.

 

Criado em Madureira, subúrbio do Rio de Janeiro. O pai foi músico amador e recebia em casa vários compositores em sua roda de samba, entre os quais Candeia. Irmão do também compositor Acyr Marques, que vem a ser pai da cantora Débora Cruz. Na década de 1980 organizava o Pagode do Arlindo em Cascadura, subúrbio do Rio de Janeiro. A partir de 1982 passou a integrar o grupo Fundo de Quintal, com o qual gravou 10 LPs. Na década de 1970 foi um dos criadores da roda de samba do Bloco Carnavalesco Cacique de Ramos, em Ramos, subúrbio do Rio de Janeiro. Logo depois, alguns desses participantes viriam a formar o grupo fundo de Quintal, do qual fez parte da primeira formação, lançado vários discos e posteriormente passando a desenvolver carreira solo.

A partir de meados da década de 90, Arlindo passou a concorrer nas eliminatórias de samba enredo de sua escola de samba do coração: o Império Serrano. A primeira vitória foi em 1996, no enredo “E verás que um filho teu não foge à luta”. Arlindo emplacaria o hino imperiano também no ano seguinte, mas a escola acabou caindo para o Grupo de Acesso A. Arlindo ainda venceria na Serrinha em 1999, 2001 – samba que ganhou o Estandarte de Ouro do jornal O Globo, 2003, 2006, 2007, 2012, 2015 e 2016. Arlindo concorreu em 2008 pela primeira vez em outra escola. Ele venceu na Grande Rio no enredo “Do Verde de Coarí Vem Meu Gás, Sapucaí!”. Desde que começou a disputar nas eliminatórias, Arlindo Cruz já venceu oito vezes. Além de ter ganho na Vila Isabel (2013) e de ter tido samba encomendado, duas vezes na Leão de Nova Iguaçu.

Em 17 de Março de 2017, o cantor sofre um acidente vascular cerebral. O estado de saúde do cantor é grave, porém estável. O fato ocorreu quando o cantor e compositor se preparava para viajar a São Paulo, onde faria um show na Cidade de Osasco, com seu filho, no projeto “Pagode 2 Arlindos”. Todo o mundo do samba segue junto com o Arlindão, rezando por sua recuperação.

Samba na Fonte comemorou seus 10 anos com lançamento de CD no Teatro Rival

Por Marcelo Faria Fotos por Marcelo Faria e Mariana Campos O Movimento de Compositores ...

Learn more
error

Gostou do Portal Sambrasil? Então siga-nos e inscreva-se!